Parece que a Google cansou de apenas ser chamada de “a gigante das buscas” da internet e quer partir para um novo mercado, o de console de jogos. Ao menos é que um rumor recente afirma…

A informação veio do confiável Kotaku, que é canal especializado em jogos e consoles que tem credenciais de sobra para postar informações tão importantes.

A equipe do site afirma que cinco fontes diferentes confirmaram que o rumor é verdadeiro, tanto que o assunto teria ganhado mais notoriedade nos últimos meses nos “corredores” da empresa. Na famosa “rádio peão”, e todos sabemos que quando chega nesse ponto já podemos usar aquele ditado que diz: “onde há fumaça, há fogo”.

Resultado de imagem para Google video game

Esperamos que a Google saiba onde está pisando, pois, bater de frente com a Sony, Microsoft e Nintendo não vai ser fácil. Concorrentes mesmo entre esses daí são apenas a Sony e a Microsoft, já que a Nintendo tem ofertas diferenciadas, porém, é uma boa escolha para qualquer gamer. Mesmo assim, concorrência é sempre bom para o consumidores final, no caso, nós.

Outra vertente desse mesmo rumor aponta para a construção de um catálogo online de games que poderiam ser jogados via streaming, e não necessariamente um console físico de jogos.

Inclusive na E3 deste ano Phil Spencer da Microsoft falou que num futuro próximo a Microsoft terá uma plataforma como essa. Curiosamente, Spencer também detalhou que os engenheiros de nuvem da Microsoft estão construindo uma rede de streaming de jogos para desbloquear jogos com qualidade de console em qualquer dispositivo. Ele detalhou ainda que a Microsoft se dedica a aperfeiçoar o jogo em todos os lugares, no Xbox, PC ou telefone. Sendo assim, a Google precisa correr, porque a Microsoft já começou sua divulgação.

Nessa questão a Sony também já tem seu produto, que é o Playstation Now, também focada em jogos via Streaming. Só a Nintendo é quem ainda está devendo algo semelhante, mas não deve demorar a apostar no mesmo produto.

Para alimentar ainda mais a imaginação dos usuários, Phil Harrison, que já trabalhou no Xbox para a Microsoft, e para a Sony no Playstation, começou a trabalhar na Google em janeiro deste ano.

Será mesmo que a Google vai se arriscar nesse mercado? O que você acha?