Em um alto nível, o GitHub é um site e serviço baseado em nuvem que ajuda os desenvolvedores a armazenar e gerenciar seu código, bem como rastrear e controlar alterações em seu código. Assim, para entender exatamente o que é o GitHub, você precisa conhecer dois princípios conectados:

  • Controle de versão;
  • Git.

O seu Windows 10 não quer iniciar? Confira aqui o que você pode fazer para resolver o problema!

Neste artigo, vamos primeiro explicar esses dois princípios. Então, vamos nos aprofundar mais sobre o GitHub e como você pode realmente usar o GitHub para trabalhar com WordPress. Confira:

O que é controle de versão?

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! - Foto: TZ
O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: TZ

O controle de versão ajuda os desenvolvedores a rastrear e gerenciar as alterações no código de um projeto de software. Portanto, conforme um projeto de software cresce, o controle de versão se torna essencial. Pegue o WordPress…

Neste ponto, o WordPress é um projeto muito grande. Se um desenvolvedor central quisesse trabalhar em uma parte específica da base de código do WordPress, não seria seguro ou eficiente que ele editasse diretamente o código-fonte “oficial”.

Em vez disso, o controle de versão permite que os desenvolvedores trabalhem com segurança por meio de ramificações e mesclagens.

Assim, com a ramificação, um desenvolvedor duplica parte do código-fonte (chamado de repositório). Dessa forma, o desenvolvedor pode então fazer alterações com segurança nessa parte do código, sem afetar o resto do projeto.

Então, uma vez que o desenvolvedor tenha sua parte do código funcionando corretamente, ele pode “mesclar” esse código de volta ao código-fonte principal para torná-lo oficial.

Além disso, vale lembrar que todas essas alterações são rastreadas e podem ser revertidas, se necessário.

O que é Git?

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! - Foto: GH
O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: GH

Git é um sistema específico de controle de versão de código aberto criado por Linus Torvalds em 2005.

Especificamente, Git é um sistema de controle de versão distribuído, o que significa que toda a base de código e o histórico estão disponíveis no PC de cada desenvolvedor, o que permite ramificações e mesclagens fáceis.

Por fim, vale observar que de acordo com uma pesquisa de desenvolvedor Stack Overflow, mais de 87% dos desenvolvedores usam Git.

Então, o que é o GitHub?

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! - Foto: GH
O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: GH

GitHub é uma empresa com fins lucrativos que oferece um serviço de hospedagem de repositório Git baseado em nuvem. Portanto, essencialmente, ele torna muito mais fácil para indivíduos e equipes usarem o Git para controle de versão e colaboração.

A interface do GitHub é amigável o suficiente para que até programadores novatos possam tirar proveito do Git. Sem o GitHub, o uso do Git geralmente requer um pouco mais de conhecimento técnico e o uso da linha de comando.

Assim, o GitHub é tão fácil de usar que algumas pessoas até usam o GitHub para gerenciar outros tipos de projetos – como escrever livros.

Além disso, qualquer pessoa pode se inscrever e hospedar um repositório de código público gratuitamente, o que torna o GitHub especialmente popular com projetos de código aberto.

Como empresa, o GitHub ganha dinheiro vendendo repositórios de código privado hospedados, bem como outros planos focados em negócios que tornam mais fácil para as organizações gerenciar os membros da equipe e a segurança.

Explorando a interface do GitHub

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! - Foto: GH
O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: GH

Para lhe dar uma compreensão básica da aparência da interface do GitHub, aqui está o código-fonte do WordPress hospedado em um repositório GitHub:

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! - Foto: GH
O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: GH

A partir daqui, você pode ver os vários “branches” que estão sendo trabalhados, bem como quando alguém fez um “commit” (isso é como “salvar” um arquivo). Dependendo de como um repositório é configurado, você também pode ser capaz de criar seu próprio “branch” e fazer seus próprios “commits” lá.

E depois de fazer algumas alterações, você pode enviar esse código de volta a um “branch”, fazendo uma solicitação de “pull”. Uma solicitação de “pull” é basicamente pedir à pessoa responsável pela filial para incluir seu código. Além disso, também ajuda essa pessoa a ver exatamente o que você alterou no código.

Se você quiser editar parte ou todo o código-fonte do WordPress em sua própria conta de maneira mais permanente, você também pode “bifurcá-lo” clicando no botão “Fork” (uma bifurcação é semelhante em conceito a um “branch”, mas uma bifurcação é mais permanente):

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: GH

O próprio WordPress era originalmente um fork do b2 / cafelog. Se você quiser um pouco mais de informações sobre como usar o GitHub, o guia Hello World do GitHub oferece um tutorial para iniciantes.

Outras maneiras de usar Git e GitHub com WordPress

O que é GitHub? Conheça o serviço e entenda o funcionamento! – Foto: GH

Muitos desenvolvedores de temas e plugins do WordPress hospedam o código-fonte de seus projetos no GitHub. Por exemplo, você pode visualizar o código do construtor de página Elementor, o código-fonte do tema Zerif Lite e muito mais.

Mas também existem plug-ins do WordPress que ajudam você a usar o Git com o WordPress de forma mais direta.

Por exemplo, o VersionPress visa trazer o poder do Git para ações regulares do WordPress, como atualizar um post ou instalar um plugin. Além disso, o VersionPress adiciona controle de versão para seu banco de dados e arquivos do WordPress.

Por fim, o WP Pusher é outro plug-in baseado em Git que permite implantar temas e plug-ins diretamente do GitHub para o seu site WordPress.

Gostou? O que achou? Deixe seu comentário. Além disso, não se esqueça de entrar no nosso grupo do Telegram. É só clicar em “Canal do Telegram” que está localizado no canto superior direito da página!